Orgão de Gestão

 Jorge Dias, Diretor

Licenciado em ensino de Matemática e Ciências da Natureza, Curso de Pós-Graduação em Administração Escolar e Inovação Educacional.


  João Cunha, Subdiretor

Licenciado em Ensino de Físico-Química.


 Armandina Carvalho, Adjunta do Diretor

Licenciada em Educação de Infância, Curso de Especialização em Administração Escolar, Mestre em Educação – Desenvolvimento Curricular. 


  Lídia Mendes, Adjunta do Diretor

Licenciada em Ensino de Biologia/Geologia.


Plano de Intervenção

Apresentação

"A minha candidatura ao cargo de Diretor do Agrupamento de Escolas de Freixo é motivada por um conjunto de fatores que adequam o meu perfil às necessidades extremamente exigentes que são inerentes ao desempenho de tal função.

No ano em que completo vinte anos de carreira como docente, sendo dez deles desenvolvidos em serviço no Agrupamento de Escolas de Freixo, como docente e também como elemento do Órgão de Gestão, primeiro como Adjunto do Diretor e depois como Subdiretor, considero estar na posse de um conhecimento profundo de todas as variáveis relativas à identidade desta comunidade educativa. Tal conhecimento resulta na tomada de consciência acerca da qualidade existente entre todos os profissionais, docentes e não docentes, que exercem a sua atividade profissional neste meio. E é com fundamento nesse conhecimento que pretendo formar uma equipa competente e consciente do desafio a que me proponho.

O início de um novo capítulo na já longa história de trinta e três anos do Agrupamento de Escolas de Freixo resulta de um processo de reflexão partilhada sobre a sua realidade.

Trata-se de um compromisso assente num conjunto de objetivos, ações e estratégias que visam o alcançar da máxima eficiência e da máxima eficácia, assegurando um serviço educativo público de qualidade, que satisfaça de forma plena os reais interesses e necessidades do seu público-alvo.

Este projeto de intervenção pretende reforçar o desenvolvimento de estratégias que permitam a melhoria de resultados no que concerne às aprendizagens realizadas pelos alunos, sem nunca descurar aspetos transversais da construção da identidade e da personalidade dos jovens cidadãos, como são a cidadania e a consciência cívica. Para isso, importa ter em conta três aspetos fundamentais:

  • O ponto da situação atual;
  • O que ambicionamos para o futuro;
  • Quais os mecanismos a operar para concretizar as nossas ambições;

Não esquecendo nunca a importância de:

  • Envolver a comunidade;
  • Investir nas pessoas;
  • Criar/negociar consensos.”

Carta de Missão 2019-2023

“O processo de elaboração da Carta de Missão deve ter em consideração a complexidade da escola enquanto organismo, constituída por intervenientes nem sempre sintonizados entre si no que diz respeito às expetativas e ambições. Importa, pois, mitigar as perspetivas divergentes anteriormente identificadas de forma a garantir o que preconiza a Lei de Bases do Sistema Educativo, no n.º 2 do seu artigo 2º: “… promover a democratização do ensino, garantindo o direito a uma justa e efetiva igualdade de oportunidades no acesso e sucesso escolares.” É este compromisso que sustentará toda a atenção e permitirá definir uma linha de atuação que garanta a concretização deste princípio fundamental, proporcionando uma educação articulada com os diferentes setores e atividades (sociais, económicas, culturais e científicas) e garantindo o desenvolvimento de princípios de democraticidade.

A participação ativa da comunidade educativa, o cumprimento das exigências pedagógicas, uma eficaz e eficiente gestão dos recursos disponíveis, a valorização dos diferentes intervenientes, sem descurar os valores fundamentais como são o rigor, a responsabilidade, a boa-fé, a transparência e a imparcialidade, são fatores essenciais à prestação de um serviço educativo de qualidade e consequentemente para eficaz formação dos alunos enquanto cidadãos conscientes e responsáveis.

A inovação que se pretende é sustentada pelas exigências da sociedade atual e pela perspetiva sobre o futuro.”

Projeto de Intervenção no Agrupamento de Escolas de Freixo

Meteo Freixo

Weather Underground PWS IPONTEDE127

Ementa mensal

Escola Saudável

Follow Hope

Regulamento Geral da Proteção de Dados

Encarregado de Proteção de Dados

Direção de Serviços da Região Norte – Direção Geral dos Estabelecimentos Escolares

Encarregado: Esmeralda Diegues Nascimento
E-mail: rgpd.dsrn@dgeste.mec.pt
Telefone: 225 191 900
Morada: Rua António Carneiro, 98, 4349-003 Porto

POLÍTICA DE PRIVACIDADE DOS DADOS PESSOAIS

Go to top